0 Flares 0 Flares ×

(ACI).- O Arcebispo de Los Angeles (Estados Unidos), Dom José Gomez, propôs uma frase da Santa Teresa de Calcutá para combater a crise na Igreja por causa dos escândalos de abuso sexual.

Em sua nova coluna semanal intitulada “De um retiro de Ano Novo”, escrita em Chicago, onde os bispos norte-americanos estiveram em exercícios espirituais de 2 a 8 de janeiro, o Arcebispo propôs uma frase de Madre Teresa tirada do livro “Cristo nos pobres”, que o Papa Francisco incluiu na carta que enviou aos prelados no início do mês.

A frase é a seguinte: “Sim, tenho muitas fraquezas humanas, muitas misérias humanas. (…) Mas Ele abaixa-Se e serve-Se de nós, de ti e de mim, para sermos o seu amor e a sua compaixão no mundo, apesar dos nossos pecados, apesar das nossas misérias e defeitos. Ele depende de nós para amar o mundo e demonstrar-lhe o muito que o ama. Se nos ocuparmos demasiado de nós mesmo, não teremos tempo para os outros”.

A este respeito, Dom Gomez escreveu que “nenhum de nós é perfeito e aqui na terra, ninguém será. Nós pecamos, cometemos erros, ferimos outras pessoas”.

“Jesus não veio para os justos, mas para salvar os pecadores. E isso se refere a cada um de nós. Esse é o mistério do amor de Deus por nós: que, embora sejamos pecadores, Ele vem para carregar os nossos pecados, para morrer por nós e para nos trazer o perdão”, continuou.

No entanto, indicou Arcebispo, “isso não justifica os pecados, crimes ou danos causados ​​aos outros. Todos devem prestar contas e reparar os erros que cometem”.

Apesar das falhas, enfatizou o Prelado, Deus “chama cada um de nós para fazer a sua obra no mundo. Que lindo pensamento a Madre Teresa nos oferece: ‘Ele depende de nós para amar o mundo e demonstrar-lhe o muito que o ama’”.

O Arcebispo de Los Angeles também lembrou que é preciso viver com esperança em Jesus e destacou que “agora é o momento de realmente viver a nossa fé em Jesus Cristo com um novo entendimento, um novo compromisso e um novo amor”.

No final de sua carta e depois compartilhar que rezou e ofereceu penitências pelas vítimas de abuso sexual, o Prelado se referiu à crise humanitária na fronteira dos EUA com o México.

“Temos que continuar orando e trabalhando para ajudar os nossos líderes a verem sua responsabilidade e deixarem de lado as considerações políticas e assim unir-se para fazer a coisa certa, arrumar o sistema de imigração da nossa nação que há muito tempo é deficiente”, concluiu.

0 Flares 0 Flares ×
Arcebispo norte-americano propõe frase de Madre Teresa para combater a crise na Igreja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*