0 Flares 0 Flares ×

+Zanoni Demettino Castro*
  
Igreja Católica: Papa entrega o pálio a 24 novos Arcebispos, entre eles Dom Zanoni Demettino Castro | BLOG DO ANDERSONComo Bispo referencial da Pastoral Afro Brasileira, reconheço que nossa Conferência Nacional dos Bispos do Brasil- CNBB muito tem feito em favor de uma Igreja samaritana e discípula-missionária. À luz do Evangelho, iluminados pelo Espírito Santo e fortalecidos pelos documentos do sacro Magistério, louvamos o testemunho de fé, de amor e coragem profética de nossos antecessores, como, também, pelos importantes passos dados que manifestam “a sensibilidade da Igreja para com os mais pobres, entre eles negros e negras que vivem segregados e em situações desumanas” (cf. PAB/ Texto de Estudos, 85 -CNBB, n. 1).

Consideramos significativa a metodologia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, ao tratar temas caros à evangelização, de forma processual, acolhendo a diversidade e a riqueza de contribuições. O caminho da proposição do texto de estudos, caracterizado, na cor verde, e dos documentos, na cor azul, com uma perspectiva de expressão oficial, permite um rico processo de acolhida e reflexão, a partir de temas propostos.
No ano de 2002, início desse século, fomos agraciados com o importantíssimo Texto de Estudos, número 85, sobre a Pastoral Afro Brasileira. Foi, sem dúvida, um significativo passo, dado na decisão inequívoca da CNBB em dialogar com esta parcela da população que é maioria em solo brasileiro. Na apresentação, o texto afirma que a Pastoral Afro se constitui instrumento importante, para a eliminação de preconceitos e atitudes racistas e, sobretudo, para a animação pastoral da comunidade afrodescendente (CNBB, texto de estudos, 85).

O referido texto reitera o compromisso da Igreja com a causa do povo negro: ao dar esse passo, a CNBB está estimulando as comunidades a assumir e a realizar ações efetivas no combate a toda forma de racismo, na valorização das culturas e na solidariedade com a população afrodescendente, na busca das suas justas aspirações (CNBB, texto de estudos, 85).
Esta excelente iniciativa, revela o carinho da Igreja, Mãe e Mestra, orientando o agir pastoral, junto às Comunidades Negras, desencadeando-se um amplo processo formativo e de animação, no fortalecimento da ação evangelizadora da Igreja.

Há dezenove anos que este texto foi publicado. Muitos fatos aconteceram no cenário político, econômico e social que tiveram influência direta na vida da população afro-brasileira. Infelizmente, estamos em tempo de grande retrocesso.  A miséria, a pobreza, o sofrimento e a morte de tantos negros e negras, consequência do racismo estrutural e do preconceito, revelam esta terrível realidade. O texto base da Campanha da Fraternidade Ecumênica de 2021 confirma com dados relevantes este cenário.

Com estas referências, em nome dos negros e negras católicos deste País continental, solicito aos irmãos no episcopado o empenho e a colaboração para tornar o Texto de Estudos 85, sobre a Pastoral Afro-brasileira, num Documento Oficial da Conferência, publicado na Coleção Documentos da CNBB. Referimo-nos ao pastoreio de Jesus Cristo, o Bom Pastor, a ação do seu corpo, a Igreja, junto ao povo negro, compreendendo sua cultura de origem africana, presente em nosso meio.

Este documento será de grande importância para ação evangelizadora da Igreja. Nestes tempos difíceis, com tantas ameaças à vida, é importante que nosso povo negro experimente a proximidade, o carinho e o respeito dos seus pastores, para que todos tenham vida e vida em plenitude. Sem dúvida, será um caminho substancial para toda a Igreja no Brasil continuar a missão que Jesus Cristo a confiou.

Neste momento em que celebramos a Década dos Afrodescendentes, quando somos chamados a “descolonizar as mentes, o conhecimento, recuperar a memória histórica, fortalecer os espaços e relacionamentos inter-culturais” e conscientes que a causa da população afro descendente é uma realidade transversal, que deve ser assumida por toda ação evangelizadora da Igreja, solicitamos a criação de uma Comissão Episcopal Pastoral,, voltada a esta porção do Povo de Deus.

Devotado em Cristo Jesus, 

*Arcebispo de Feira de Santana, Bahia

Bispo referencial da Pastoral Afro Brasileira

 

0 Flares 0 Flares ×
Dom Zanoni Demetino Castro: Urgências e Desafios da Pastoral Afro-Brasileira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*