Histórico

Paróquia de Santo Afonso começou com os Padres Redentoristas que curavam a Paróquia de Porangabussu. O antigo Coqueirinho, hoje Parquelândia era uma capela. Para início de desenvolvimento do bairro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Fortaleza, cujo prefeito na época era o Cel. Murilo Borges, foi lançada a Pedra Fundamental da atual Escola Santo Afonso.

Após a construção da escola o pensamento voltou-se para a ereção de uma capela para o culto dominical. Cuidou, inicialmente da capela o Pe. Guilherme Condon. Houve um acidente. A construção desabou. Não houve desânimo. Recomeçou-se a construção com novo projeto. A igreja agora, fugia à arquitetura tradicional. Seria circular. Por causa de sua arquitetura ficou conhecida como Igreja Redonda, a primeira desse tipo em Fortaleza.

A criação da Paróquia deu-se no dia 5 de junho de 1978, no governo arquidiocesano do Exmo. Sr. Arcebispo de Fortaleza Dom Aloísio Cardeal Lorscheider. O padroeiro não podia ser outro: Santo Afonso, fundador da Congregação Redentorista.

O território paroquial foi desmembrado das paróquias limítrofes: São Raimundo, São Gerardo e Nossa Senhora da Salete.

FORAM SEUS PÁROCOS:

PE. WILLIAN KEENEY – Nasceu em Offacy, na Irlanda, em 1940. Foi ordenado em 18/09/1966. Desenvolveu um excelente trabalho na Paróquia de Santo Afonso, no curto período que passou por aqui, que foi entre setembro de 1980 a dezembro de 1981. Em 13, 14 e 15 de Março de 1981 foi realizado o 1º ECC como todo apoio do padre Willian. Por ser Padre Redentorista não pode ser nomeado Pároco da Igreja. Faleceu em abril de 2004, na cidade de Goiânia.

PE. LUIS GONZAGA XAVIER – Nasceu em 30/12/1922, na cidade de Itapipoca, estado do Ceará. Ordenou-se em 17/12/1940. Foi nomeado por Dom Aloísio Lorscheider, o 1º Pároco da Igreja de Santo Afonso. Aqui, realizou vários trabalhos de catequese no período de Dezembro de 1981 a Abril de 1986. Instituiu o Curso de Noivos, muito contribuiu para o engrandecimento do Encontro de Casais com Cristo, instituiu a Pastoral do Canto e o Curso Bíblico para o ECC e compôs o Ministério da Eucaristia. Construiu a Casa Paroquial. Faleceu em 30/09/1998.

PE. FRANCISCO DE ASSIS APOLÔNIO – Nasceu em 22/10/1937, ordenou-se em 15/08/1964. É natural de Cascavel, cidade do Ceará. Realizou várias reformas na Igreja, no período que aqui permaneceu, entre 01/04/1986 a 22/07/1988. Colocou o mármore no interior da Igreja, as grades da parte superior, fez a reforma do Salão Paroquial, ampliou o número de Ministros da Eucaristia, fundou o Apostolado de Maria, dividiu os Setores, instituiu o Terço nas Praças e a Missa do meio dia aos sábados. Hoje é Pároco da Igreja de Santa Luzia.

PE. JOÃO RODRIGUES FARIAS – Nasceu na cidade de Independência, estado do Ceará, em 01/01/1950. Foi ordenado em 22/12/1982. Permaneceu na Paróquia entre o período de 23/07/1988 a fevereiro de 1994. Nesse tempo de sua permanência conosco organizou os Setores da Paróquia e realizou celebrações nos setores, formou as Equipes de Eucaristia e Crisma, instituiu o Conselho Econômico e o Conselho Pastoral, realizou visitas missionárias semanais e reuniões de formação mensais. Atualmente, é Juiz do Tribunal Eclesiástico.

PE. JOÃO JORGE CORRÊA FILHO – Nasceu em 12/08/1958, em Belém do Pará. Ordenou-se em 06/12/1986. Foi Pároco dessa Igreja no período entre fevereiro de 1994 e 15 de maio de 2003. Realizou relevantes trabalhos dentro na Paróquia, como a reforma da Casa Paroquial e do Salão Paroquial, mudança do Altar da Igreja, mudança dos bancos, colocação dos Quadros Sacros no interior da Igreja e as grades de proteção externa. Reinstituiu o Conselho Paroquial e o Conselho Econômico e implantou a pastoral da Divina Misericórdia. Atualmente é Pároco da Igreja de Nossa Senhora do Carmo, Conselheiro Espiritual da Equipe 9 de Nossa Senhora, Diretor da Sala de Historia, Membro do Conselho de Assuntos Econômicos e da Comissão de Manutenção do Clero.

PE. DJAIR GOMES CAVALCANTE – Nasceu em 23/08/1956, em Fortaleza, estado do Ceará, ordenou-se em 01/09/1985. Passou um curto período em nossa Paróquia, de 16/05/2003 a 02/10/2003, tendo falecido no exercício de suas atividades em 02/10/2003. Nesse curto período em que esteve conosco formou os Coroinhas, instituiu a Missa do meio dia nos dias 13 de cada mês e fundou a Pastoral da Idade Feliz.