0 Flares 0 Flares ×

Encontros semanais decorriam no auditório Paulo VI e voltam à biblioteca do Palácio Apostólico, com transmissão online

Auditório Paulo VI
Foto: Lusa/EPA

Cidade do Vaticano, 29 out 2020 (Ecclesia) – O Vaticano anunciou hoje a suspensão das audiências públicas com peregrinos, que vão decorrer, a partir de 4 de novembro, à porta fechada e com transmissão online, a partir da Biblioteca do Palácio Apostólico.

Os encontros semanais com o Papa vinham a realizar-se no auditório Paulo VI, mas Francisco limitava-se a cumprir os peregrinos à distância, evitando a tradicional passagem pelos corredores que provocavam aglomerações.

Em nota enviada aos jornalistas, o Vaticano explica que a mudança acontece depois de ter sido comunicado “um caso positivo de Covid-19” durante a audiência de 21 de outubro e visa “evitar um eventual risco futuro para a saúde dos participantes”.

Em março, aquando da declaração de pandemia, o Vaticano decidiu suspender a participação de peregrinos nas audiências semanais, que decorreram à porta fechada na biblioteca do Palácio Apostólico, com transmissão online; os fiéis voltaram a acompanhar o Papa desde setembro, primeiro no Pátio de São Dâmaso, ao ar livre e, a partir de outubro, no referido auditório Paulo VI.

Já esta quarta-feira, o Vaticano tinha informado que o Papa vai presidir a celebrações com participação “muito limitada”, ao longo dos próximos meses, na Basílica de São Pedro.

A nota precisa que as celebrações litúrgicas vão ser limitadas à presença de “fiéis individuais”, sem grupos organizados ou representações oficiais, seguindo a prática assumida desde o reinício das celebrações comunitárias, em maio, após dois meses de confinamento provocados pela pandemia de Covid-19.

OC

0 Flares 0 Flares ×
Vaticano anuncia suspensão das audiências públicas com peregrinos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*