0 Flares 0 Flares ×

Grupo de 25 pessoas já recebeu primeira dose

Cidade do Vaticano, 20 jan 2021 (Ecclesia) – O Vaticano ofereceu hoje a primeira dose da vacina contra a Covid-19 a um grupo de pessoas em situação de sem-abrigo, acolhidas em instalações da Esmolaria Apostólica (Santa Sé).

“Esta manhã, no átrio do Auditório Paulo VI – enquanto prossegue o plano de vacinação do Estado da Cidade do Vaticano – a primeira dose da vacina contra Covid-19 foi administrada a um grupo de 25 pessoas sem domicílio fixo, alojadas em forma estável nas estruturas de residência e assistência da Esmolaria Apostólica”, indica uma nota da sala de imprensa da Santa Sé, enviada aos jornalistas.

O Vaticano informa que, nos próximos dias, “outros grupos serão vacinados”.

 

 

O programa de vacinação no Vaticano arrancou na última semana, tendo o Papa Francisco e o Papa emérito Bento XVI recebido também a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

As vacinas da Pfizer estão ser administradas a cidadãos, funcionários e aposentados, bem como aos familiares que têm a assistência do FAS (Fundo Assistência Sanitária) do Estado da Cidade do Vaticano; de fora ficam os menores de 18 anos.

“Eticamente, todos devem receber a vacina, é uma opção ética, porque está em causa a tua saúde, a tua vida, mas também a vida de outros”, referiu o Papa Francisco, numa entrevista ao Canal 5 da televisão italiana.

A prioridade do Vaticano vai para o pessoal de saúde e segurança pública, idosos e pessoas em maior contacto com o público.

A administração do Estado do Vaticano e da Santa Sé recomenda a vacinação, “para proteger a própria saúde, mas também a dos outros”.

OC

0 Flares 0 Flares ×
Vaticano oferece vacinação a pessoas sem-abrigo (c/fotos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*